Como apoiar o trabalho de mulheres indígenas

O artesanato indígena figura entre as principais fontes de renda de muitas aldeias. Em abril, pretendo visitar a Aldeia Chico Curumim, na floresta amazônica, no Acre, por meio de um projeto da @a_peregrina

O acesso não é fácil nem barato. A ideia é firmar uma parceria que permita a compra recorrente dos artesanatos das mulheres indígenas Huni Kuin.

Se ultrapassamos a meta e conseguirmos, além desse primeiro contato e dessa primeira compra, vamos tentar comprar um barco pra mulheres da aldeia. .
Muitas vezes, há casos de emergência nos quais não há dinheiro pra gasolina ou barco disponível para o transporte até a cidade mais próxima, que o Jordão.

As informações completas estão no link: benfeitoria.com/peregrinanoriojordao

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Blog no WordPress.com.

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: